Bem vindos!

...............
Mensagens

Proporções das águas


São linhas úmidas essas que deslizam meu sentir
como expressa-se um rio, se em sua profundidade
esconde-se um mar, se tudo segue na direção contraria
...se sua águas doces se perdem entre o sal.
Momentos assim nenhuma palavra diz a exatidão...
Meus devaneios navegam por paisagens distantes
intocáveis caminhos para uns, percorridos por mim
Como se deixar ir, levada por ondas
assim como as algas, desprendidas
soltas nas correntezas das mares
Vindas para morrer ao sol, seca, e só...
Também as estrelas, estampavam o céu
morrendo ainda levam nome de super nova
mas incoerente é seu brilho ficar, rastro de amor...
Impossibilidades são gestos inúteis
correr atrás do vento,  reter a primavera
paralisar o mar, buscar estrelas para te coroar
Confidenciar a lua esse gesto de amar
e dizer ao sol pra não acordar
só para ter uma noite de amor a se prolongar.
Tentar achar a formula de um amor perfeito
dum amor eterno, da paixão douradora
... e como direcionar as auroras boreais ao meu leito...
Viver o que manda meu coração sem a tua permissão
é condenação, luto de mim...
.
valquíria calado

2 comentários:

Arnoldo Pimentel disse...

Muito lindo seu texto, parabéns.Beijos

Pat. disse...

Mãe que palavras especiais de um sentir teu muito único...

Eu fechei o face... não aguento aquilo. Estou só nos blogs.
Amo-te.
Filhota.