Bem vindos!

...............
Mensagens

A poesia impregnou-me
circula no sangue essa paixão.
De tanto clamar por amar.
De tanto o amor esperar.
Chagou-me! 
De tamanho imenso, de forma completa.
Já não consigo expressar o amor de tanto amar.
Se estou a calar, a mente fica a imaginar.
Se estou a cantar, é melodia de amar.
Como chegou, e até aqui como estou.
Foram lacunas do tempo, sem explicação.
E do teu sorriso, do teu falar, no som da tua voz.
Eu extasio-me só de contemplar.
Quanta serenidade no centro desse furacão.
Amor medido com cautelosa direção.
Com cuidados para que perdure
com promessas ternas
 firmadas na sinceridade
Na comunhão transparente 
de quem tanto esperou amar.
Almas irmãs que compreendem-se.
Mesmo no vácuo da distância
pode-se abraçar com o coração. 


valquíria calado

Um comentário:

Luís Coelho disse...

A poesia pode estar numa frase ou numa flor.
Pode ouvir-se numa música ou no canto de um passarinho, mas nunca acontece apenas por palavras despidas, vazias e amor, arte e de cor.