Bem vindos!

...............
Mensagens



As vezes em meios a tudo paro estagnada
Meu pensar voa à ti recordando teu rosto...

Aquele olhar perdido, as mãos inquietas;
teu passar de língua sobre os lábios...

Em quem será que pensas quando se perde
como estou agora? Eu em ti...

Minha necessidade de ti atordoa-me
desfaleço em paixão...

Você está em todo lugar. em cada rosto que vejo
Em cada olhar... dentro de mim...

Preciso de você aqui, do toque das mãos
do abraço de comunhão;

Preciso como nunca precisei de ninguém...

Desfaleci-me o amor... À espera de uma só palavra
 renove esperança na ampulheta da vida.

Não deixe o tempo apagar os sonhos, nem adormecer anseios, 
ainda temos tempo pra amar.
.
Valquíria Calado

2 comentários:

Graça Pires disse...

Um poema que é queixume e prece de amor.
Beijo.

brisonmattos disse...

é isso...adormecer anseios. Os meus estão assim, adormecidos, e se quer saber...Deixa quieto.